A parábola do semeador, resultados da Educação e projetos interessantes

17744428163_2e094fafae_z(1)

A parábola do semeador, proposta por Jesus, é uma das mais propícias para pensarmos sobre os efeitos da educação. Já sabemos que praticar a educação de maneira livre, não autoritária, deve ser um gesto gratuito, desinteressado, amoroso e pleno. Mas o “se”, o “quando” e o “como” a outra consciência acolherá nossas sementes e produzirá flores e frutos, e desenvolverá suas potencialidades – isso não pertence ao semeador, mas ao tempo. Às vezes, à eternidade – se alongarmos a nossa vista para o transcendente. Portanto, a ansiedade, tão própria nossa, é a maior inimiga da educação. Claro, se quisermos resultadinhos de conteúdos decorados, de disciplina imposta, de tarefas fechadas, eles podem ser imediatos, mas também não serão duradouros e nem serão, de fato, conquistas da educação, quando muito de uma instrução modeladora.

Mas quando vemos no aqui e agora uma semente germinando, um fruto amadurecendo, um trabalho se desdobrando a partir da nossa semeadura, então a satisfação é grande, como aquele semeador da parábola quando viu aquelas sementes que deram 100 por um.

Pensei tudo isso ontem, quando tive mais uma vez a emoção de ver alguns trabalhos apresentados na conclusão do curso da Turma 9 de Pedagogia Espírita. Alguns não fizeram nenhum trabalho (isso não significa que o curso não terá tido nenhum impacto para esses), outros não puderam vir e apresentar. Mas os que vieram fizeram um bem danado às semeadoras, no caso, a Profª. Priscila Grigoletto Nacarato (a dedicadíssima orientadora) e eu, a coordenadora do curso – e, claro, estão em nós representados todos os outros professores, cada qual com seu papel significativo, porque não temos ninguém na Universidade Livre Pampédia, cumprindo burocraticamente aulas para preencher matérias.

Os trabalhos apresentados foram os seguintes:

  • Regina Maria Barretto Cicarelli – “Caibar de Souza Schutel: o bandeirante do espiritismo e a relação com a Pedagogia Espírita”
  • Emerson Cleber Boreli Gianini – “Prática em sala de aula: um projeto de leitura e a apresentação que aconteceu com base na Pedagogia EspÍrita”
  • Deise Toledo Carrijo – “Uma contribuição da Pedagogia Espírita à Educação em Saúde”
  • Juliana de Lucca – “Maria Lacerda de Moura – educação: uma força revolucionária”
  • Alessandra Davanzo – “O diálogo da Pedagogia Espírita com a área de ensino dos centros espíritas”.

Todos feitos com entusiasmo e engajamento.

Quero destacar o de Emerson Cleber Boreli Gianini, que fez uma pesquisa-ação, aplicando um trabalho interdisciplinar em duas classes da Escola Estadual Inácia Teruko Inagaki, em Santo André com a série Grandes Pessoas, da Editora Comenius. Como se sabe, essa série pretende trabalhar com valores éticos, com diálogo inter-religioso e sentindo existencial a partir da inspiração de grandes personagens históricos, que tiveram vidas e trabalhos relevantes em todas as áreas, em diversas culturas, épocas, e eram adeptos ou mesmo fundadores de diferentes correntes religiosas.

O resultado com os alunos foi emocionante, pois que foram contagiados por Gandhi, Martin Luther King, Bach, Kepler, Pestalozzi, Francisco de Assis, Buda, Teresa de Calcutá e outros. Esse trabalho que fizeram, montando exposições, fazendo rádio-novela, vídeos, simulando um planetário, propondo jogos… ficará marcado para essas turmas como um momento de aprendizagem significativa. E para nós, autores dos livros, professores do professor Emerson, fomentadores desse projeto, fica uma sensação boa de coisa produtiva, útil, bonita e bem feita.

Que isso possa ser feito em outras escolas públicas é o nosso maior desejo.

E que esses trabalhos de final de curso da Pedagogia Espírita continuem sendo sementes fecundas de uma nova Educação.

17741881854_130b5e6268_z 17742028634_3ffe7ba63a_z 17743601503_5fbcf0a18a_z 17744525753_53fbb676b6_z 17744590283_76a2e2b3e9_z 17744832903_36e7663826_z 18176177248_67fdf729c5_z 18176200488_62bdfcf44e_z 18176502848_d897146c7a_z 18176631058_34ec3cd1c6_z 18176992020_4f52b6d361_z 18177386430_72100d3d40_z 18177911599_b105f7e628_z 18178023569_c2ddc2b711_z 18178405769_f0ae57cdd8_z 18179050159_40c7d80ce8_z 18338207236_cee1aea8df_z 18338368856_9cdf9cd515_z 18338390476_225b8e8e47_z 18338982076_26d9c16ba6_z 18365767621_1628664f5f_z 18366545931_e2a58278dc_z 18367146731_4566caf96b_z

Fotos: Lili Lungarezi

5 thoughts on “A parábola do semeador, resultados da Educação e projetos interessantes

  1. Congratulações por tão belo trabalho. Sou professor das séries iniciais e evangelizadora espirita, e acredito plenamente na contextualização da pedagogia espirita nas salas de aula, que aliás muito me inspira na minha prática. Gostaria portanto de ter acesso a outros materiais sobre o assunto. Parabéns pela semeadura!

    Curtir

  2. Fiquei muito emocionada ao ler esta bela notícia. Sou evangelizadora espírita e prof universitária e gostaria de receber informes de vcs. Parabéns pelo belo projeto.

    Curtir

  3. Quero parabenizar meus colegas da turma 9 e me desculpar por não ter conseguido participar das apresentações, como a Dora mesmo disse, apesar de não ter apresentado um trabalho, a semente foi plantada dentro de mim, em terra adubada e fértil, compartilharei com todos e darei notícias dos frutos gerados, se Deus me permitir. Minha gratidão eterna, Abigail.

    Curtir

  4. Parabéns pelas sementes plantadas e germinadas, gostaria se possível fosse disponibilizado os trabalhos para leitura, acredito que assim estas sementes podem se espalhar por um campo ainda maior.
    Parabéns e muito obrigado.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s